sexta-feira, março 11, 2005

SCRITTI POLITTI - Early

Image hosted by Photobucket.com

Beyond Punk - post-punk noise 1978-2005, a compilação que acompanha a edição de Abril da Mojo tem sido uma presença assídua no leitor de CDs e a sua virtude maior é relembrar-me como Skank Bloc Bologna, com o excêntrico reggae da secção rítmica e guitarras enroscadas é uma pequena maravilha do post-punk britânico. A recordação vem em boa altura uma vez que os históricos singles/EPs iniciais dos SCRITTI POLITTI acabaram de ser recuperados numa compilação, 25 anos depois e a partir das gravações originais em vinil. É fácil esquecer que antes da soul de olho azul do magnífico Songs To Remember e do synth pop ocasionalmente interessante de Cupid & Psyche 85, Green Garthside, convivia com os JOY DIVISION, GANG OF FOUR, SLITS e restante pandilha da segunda vaga do punk inglês num colectivo que combinava engajamento político com uma noção vaga de filosofia aplicada à escrita de canções. Surpreendentemente, o resultado final tem tanto de experimental e abstracto como de sedutor e apesar de ser um prelúdio no percurso artístico de Garthside, a sua influência na actual onda revivalista é mais evidente do que nunca.

2 Comments:

Blogger Beep Beep said...

"a sua influência na actual onda revivalista é mais evidente do que nunca"

Eu cá também gostava de ver alguns "revivalistas" cá pela Rosa! ;)

O Simon Reynolds esteve algo venenoso ontem.

7:55 da manhã  
Blogger Familycat said...

Olá Nuno

A Rosa gostou das canções dos "revivalistas" presentes no CD Mojo, FUTUREHEADS, DEATH FROM ABOVE 1979 e RADIO 4. O termo "revivalismo" é usado no pop-rock com um sentido negativo que é importante desmistificar: a recuperação de estilos musicais do passado pode ser feita com uma dose saudável e estimulante de frescura e entusiasmo. São bons exemplos o Paisley Underground e, mais recentemente, o Bluegrass Revival.

7:22 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home