sexta-feira, abril 01, 2005

Mojo - Punk Special Edition



Folhear a edição especial da Mojo dedicada ao Punk é como perdermo-nos num daqueles álbuns de recordações atravancados de fotos, escritos, documentos amarelados pelos anos, capas de discos e todo o tipo de artefactos que julgávamos esquecidos no tempo. São 150 páginas obrigatórias de artigos, reportagens e entrevistas sobre os SEX PISTOLS, THE CLASH, THE JAM, THE DAMNED, THE RUTS, JOHNNY THUNDERS, BUZZCOCKS e STRANGLERS, entre outros, uma grande parte originalmente retirados da mítica Sounds. Entre as listagens mais curiosas encontram-se os 10 momentos-chave do punk na televisão e as mais célebres cenas de pancadaria apresentadas num formato semelhantes ao das fichas de jogo no futebol. Pelo caminho, registam-se as opiniões e balanços de protagonistas da época como Siouxie Sioux, Poly Styrene, Chris Bailey, Ari Up, Gaye Advert, Vic Godard e Rat Scabies, e testemunhos sobre acontecimentos marcantes. Os guias de compras incluem listas comentadas dos 45 singles fundamentais – a escolha de John Savage -, 77 álbuns indispensáveis relacionados com o movimento e um apanhado excelente dos melhores livros sobre o punk. Uma vez mais, o grafismo extraordinário com que a Mojo embrulha a coisa transforma esta edição num sonho. A juntar ao número especial da NME Originals que saiu há alguns anos atrás e que compilava artigos do New Musical Express e do Melody Maker.