quarta-feira, abril 06, 2005

NME Originals - Mod

Image hosted by Photobucket.com

Ainda há poucos dias falava por aqui da edição especial da Mojo sobre o Punk e já se encontra à venda mais um número da NME Originals exclusivamente dedicado ao movimento Mod. Para quem não saiba, Mod é a abreviatura de “modernists”, a irreverente e hedonista geração britânica do pós-guerra que devorava música soul e R&B americanos e ska jamaicano e se envolvia em confrontos violentos com os ‘rockers’ adeptos do rock’n’roll dos anos 50. No entanto, só por volta de 1965 apareceria o estilo musical próprio desta juventude maioritariamente centrada em Londres - uma mistura muito britânica de guitarras e R&B que andava de mãos dadas com um sentido estético muito apurado ao nível da locomoção (as scooters são uma das imagens de marca), vestuário (muito ‘dandy’: camisas de botões, calças justas, fatos clássicos e ‘parkas’) e penteados e predilecção por anfetaminas e ansiolíticos. Este número é uma extraordinária compilação de entrevistas, críticas e reportagens retiradas do New Musical Express, Melody maker, Disc e Rave que cobre quarto períodos distintos. Enquanto o primeiro aborda o nascimento do modernismo, entre 1945 e 1964, o segundo refere-se ao ponto alto do movimento musical com destaques para os THE WHO, SPENCER DAVIS GROUP, SMALL FACES, ACTION e THE CREATION. No terceiro capítulo recorda-se o revivalismo mod ocorrido entre 1977 e 1985 e cujo expoente foram os THE JAM. No capítulo final, analisa-se a nostalgia dos valores mod nalguma música editada entre 1990 e 2005, protagonizada pelo acid jazz e por nomes como os OCEAN COLOUR SCENE. Paul Weller encerra a edição. Muitos dos artigos são reproduções das páginas de jornais e revistas da época tornando esta edição um documento imprescindível a juntar aos dois números especiais sobre os THE WHO e sobre a 60’s Swinging London.

3 Comments:

Blogger Beep Beep said...

Ir de THE WHO a OCEAN COLOUR SCENE em 25 anos não é grande motivo de orgulho! :p

1:33 da tarde  
Blogger Familycat said...

LOL Nuno

Concordo. Não é propriamente uma evolução. Mas são eles que reclamam a herança mod nestes últimos anos...

11:54 da tarde  
Blogger Beep Beep said...

Verdade. Não se tem falado muito em mods hoje em dia.

Ao contrário, por exemplo, de herdeiros dos THE SPECIALS, como os HARD-FI, ou o baterista dos KAISER CHIEFS e o seu "porkpie hat"

7:19 da manhã  

Enviar um comentário

<< Home